Amazônia

 

A Amazônia Legal ocupa 49,29% do território brasileiro, sendo composta por nove diferentes estados, que juntos tem uma população de aproximadamente 33 milhões de pessoas, ou seja aproximadamente 16% da população brasileira, sendo uma das principais causas dessa desproporção a falta de uma logística adequada para o transporte de pessoas e mercadorias na região, que faz com que vários municípios nos interiores  estejam isolados. Apesar de toda sua importância e principalmente seu enorme potencial o desafio logístico Amazônico jamais foi solucionado.

 

Atualmente as viagens ao longo da Amazônia podem ser feitas de duas maneiras, a primeira é utilizando o barco e a segunda é utilizando o avião. O grande problema do barco é a sua velocidade, que no melhor dos casos consegue atingir uma velocidade média de 50km/h, algo consideravelmente baixo quando se considera o tamanho da região, outro ponto problemático desse meio de transporte é o amadorismo da grande maioria das empresas que transportam pessoas na região. Já o avião apresenta dois grandes problemas, o primeiro é o  custo de implementação demasiadamente alto, pois requer uma grande infraestrutura para recebe-lo e o segundo é  seu custo por utilização também muito elevado que faz com que sua operação não seja economicamente viável na região. 

rivail-junior-9co_9PYEaoY-unsplash.jpg

Como interligar a Amazônia de maneira eficiente e com baixo custo de implementação?

A Aeroriver está projetando um ecranoplano adaptado às condições operacionais do território amazônico, batizado de Volitan. Esse veículo terá a capacidade de transporte de 10 passageiros, ou o equivalente a 1 tonelada em carga, tendo uma velocidade de cruzeiro de 150 km/h (3 vezes mais rápido que as lanchas mais velozes). A decolagem e pouso serão feitas nos rios, utilizando o casco desenvolvido para esse propósito e tudo isso com um gasto de combustível próximo a de um barco.

Essa solução trará um ganho muito grande em velocidade para a região, tudo isso sem a necessidade de um grande custo de implementação tendo em vista que que o veículo utilizara os rios e nem um elevado custo por utilização. Um veículo com essas capacidades tem o potencial de modificar a logística de diversos setores, como:

  • Transporte de passageiros

  • Transporte de cargas

  • Turismo

  • Saúde

  • Patrulha e Segurança dos Rios

  • Mapeamento e monitoramento de áreas ambientais

Exemplo na viagem Manaus – Parintins ( 437 km fluvial)